Busca rápida
barra
Busca detalhada

Home > Notícias > Via Varejo comemora 10 anos de programa com 20 mil toneladas de materiais reciclados



Via Varejo comemora 10 anos de programa com 20 mil toneladas de materiais reciclados

16/07/2018 - Segunda-Feira
Compartilhe:
Mais de 140 famílias estão sendo beneficiadas com a ação que realiza coleta seletiva nas lojas Pontofrio e Casas Bahia, prédios administrativos e Centros de Distribuição

Neste ano, a Via Varejo comemorou 10 anos de existência do Programa REVIVA que, desde 2008, atua com ações de coleta seletiva e gestão de logística reversa na empresa. A ação – que teve origem com o Programa Amigos do Planeta - se iniciou com a instalação de uma Central de Triagem no Centro de Distribuição em Jundiaí e em nove lojas da rede. Em 2014 cerca de 200 lojas já estavam fazendo parte do programa, além da sede corporativa.

Hoje, a Via Varejo conta com três fontes de geração de resíduos recicláveis: nos Centros de Distribuição, com embalagens de produtos e embalagens que retornam das casas dos clientes; nos escritórios e lojas, com a separação adequada dos materiais recicláveis. Esses materiais são encaminhados para a Central de Triagem, onde o material é separado e vendido por categoria (papel, papelão, plásticos, etc).

Desde 2015, o projeto é parceiro da cooperativa de reciclagem Cooper Viva Bem. Com isso, a Via Varejo faz a doação dos materiais recicláveis para a cooperativa, que separa os resíduos para venda. Com a receita, a entidade consegue pagar os custos do espaço e maquinário utilizados na operação e dividir a renda entre os cooperados. Mais de 40 famílias foram favorecidas neste modelo iniciado na operação de Jundiaí. Com a expansão do programa pelo país, hoje são mais de 140 famílias beneficiadas diretamente.

Com a implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, a Via Varejo passou a buscar um modelo que fornecesse viabilidade técnica para a coleta e reciclagem do que era gerado, mas que também tornasse a iniciativa ambiental e social financeiramente sustentável em escala nacional. Foi quando surgiu a ideia de formar uma parceria com as cooperativas instaladas próximas de cada um dos nossos Centros de Distribuição.

Desde então, a tratativa dos materiais coletados é feita prioritariamente com cooperativas de reciclagem, que recebem um acompanhamento mensal da empresa com suportes para dificuldades administrativas e relacionamento com compradores. Dessa forma, além de reduzir os impactos ambientais da operação, a empresa também contribui para a geração de renda, inclusão social dos cooperados e a promoção do profissionalismo e do conhe­cimento da cooperativa em resíduos.

Fonte: Approach Comunicação





Compartilhe:




Comente