Busca rápida
barra
Busca detalhada

Home > Notícias > Semestre tem menor volume de cheques sem fundos dos últimos cinco anos, revela Serasa Experian



Semestre tem menor volume de cheques sem fundos dos últimos cinco anos, revela Serasa Experian

21/07/2010 - Quarta-Feira
Compartilhe:

Ao contrário do verificado em outras formas de pagamento e financiamento, a inadimplência com cheques continua em queda. De janeiro a junho de 2010, foram devolvidos 1,87% de cheques em todo o país. Foi o menor percentual para o 1º semestre em cinco anos, conforme revela o Indicador Serasa Experian de Cheques Sem Fundos.

O mês de junho, por sua vez, apresentou 1,75% de devoluções de cheques, menor valor desde fevereiro de 2005.

De acordo com os economistas da Serasa Experian, as quedas na inadimplência com cheques estão refletindo uma mudança na preferência de financiamento do consumidor. Em ambiente de juros em alta, maior endividamento e de inadimplência também crescente, o consumidor tem preferido outras formas de parcelamento que lhe possibilitem a rolagem da dívida, sobretudo com pagamentos parciais. Mas os cheques pré-datados já não oferecem prazos de financiamento tão alongados quanto o de outras formas.

A menor utilização do cheque ante a expansão dos cartões de débito e de crédito, não explica a melhora em sua qualidade. O cheque tem sua qualidade ampliada por ser de rápido registro da inadimplência, o que, no momento, pode não atender aos objetivos de alguns consumidores.

A perspectiva é de que a inadimplência com cheques continue recuando por este trimestre, podendo sofrer algumas pressões de elevação com o Dia das Crianças e as festas de final de ano.

Nos estados e regiões
De janeiro a junho, o Amapá foi o estado com o maior percentual de cheques devolvidos (11,31%). São Paulo, por sua vez, foi o estado de menor percentual (1,43%). Entre as regiões, o Norte apresentou maior percentual de devolução de cheques nos seis primeiros mêses do ano, com 4,20%. Na outra ponta do ranking está o Sudeste, com 1,54%.
Veja abaixo o ranking completo com o percentual de cheques devolvidos de janeiro a junho de 2010, por Estado.


ESTADOS/REGIÕES JAN-JUN/2010
1 Amapá 11,31%
2 Roraima 9,82%
3 Maranhão 9,75%
4 Acre 7,95%
5 Sergipe 6,68%
6 Piauí 5,83%
7 Tocantins 5,50%
8 Rio Grande do Norte 5,18%
9 Paraíba 4,63%
10 Alagoas 4,56%
11 Pará 4,22%
12 Mato Grosso 3,78%
13 Amazonas 3,23%
14 Rondônia 3,01%
15 Ceará 2,77%
16 Bahia 2,76%
17 Distrito Federal 2,54%
18 Goiás 2,21%
19 Espírito Santo 2,09%
20 Rio Grande do Sul 2,00%
21 Pernambuco 1,93%
Brasil 1,87%
22 Minas Gerais 1,80%
23 Mato Grosso do Sul 1,76%
24 Santa Catarina 1,68%
24 Paraná 1,67%
25 Rio de Janeiro 1,55%
26 São Paulo 1,43%

1 REGIÃO NORTE 4,20%
2 REGIÃO NORDESTE 3,24%
3 REGIÃO CENTRO-OESTE 2,40%
4 REGIÃO SUL 1,79%
5 REGIÃO SUDESTE 1,54%

Metodologia
Levantamento mensal sobre a quantidade de cheques devolvidos por insuficiência de fundos em relação ao total de cheques compensados. Para efeito do cômputo do indicador somente é considerada a segunda devolução por insuficiência de fundos

www.serasaexperian.com.br

Fonte: SERASA EXPERIAN





Compartilhe:




Comente