Busca rápida
barra
Busca detalhada

Home > Artigos > Estratégias que encantam o consumidor


Estratégias que encantam o consumidor

Por Ádila Ribeiro Berretella*

Quando o consumidor visita uma loja não imagina todos os esforços realizados para que as exposições e as vitrines estejam arrumadas de maneira a conquistá-lo. Pode parecer pouco, mas não é: há todo um planejamento e estratégia para que o produto se torne atrativo e, consequentemente, desperte o interesse pela compra. Do mesmo modo, ao entrar em um hipermercado, o consumidor se depara com vários setores – alimentício, eletroportáteis, bazar, vestuário, beleza – em um único lugar, dando a ele a oportunidade de apreciar as novidades e, em alguns casos, fazer a experimentação do produto desejado. É algo rotineiro para o consumidor, mas a arrumação, a limpeza e a criatividade do que está exposto estão sempre associadas com a estratégia de marketing da rede visitada e das marcas por ela comercializadas.

E para que tudo aconteça com a máxima sincronia – e dentro das regras –, os fornecedores seguem os layouts determinados pela rede ao realizar as exposições dos produtos por meio de seus promotores e repositores de vendas. Os estabelecimentos, além da equipe interna de funcionários, também contam, e muito, com o apoio do pessoal de promoção. Talvez o consumidor não se atente, mas o televisor ligado no setor de eletroportáteis, com lindas imagens, sons e recursos foi premeditadamente “programado” para que ele imagine como ficaria na sala de sua casa e os benefícios que a sua Família teria com essa compra. Ou uma promotora realizando degustação com um liquidificador incrível, potente e colorido, que resultou na elaboração daquela mousse divina.

Ao passar pelo setor de bazar há uma exposição linda de uma mesa de jantar, com pratos, talheres, copos, guardanapos e jogo americano. Será a partir dali que despertará no consumidor a ideia de como fazer o mesmo em casa, especialmente pontuando todos os itens indispensáveis para o mais agradável dos jantares. Enquanto no setor de vestuário infantil os looks estão fantásticos com as mais variadas combinações, no de beleza, expositores com shampoos, cremes e maquiagens trazem lindas atrizes no material promocional. Enfim, as possibilidades são inesgotáveis, mas tudo precisa ser feito rigorosamente dentro das regras e criteriosamente pensado. E, para isso, promotores e repositores são indispensáveis.

Mas como garantir os melhores espaços e pontos estratégicos dentro da loja para despertar ao máximo o desejo de compra no consumidor? É necessário seguir alguns passos:

  • Ter produtos com embalagens chamativas e com fácil visualização dos diferenciais do produto;
  • Dispor de materiais promocionais que apontem os benefícios dos produtos, como wobbler, testeiras, totem, móbile, faixa de gôndola, balões, cubos, papel forração etc;
  • Criar um planograma dos produtos para que os promotores e repositores tenham direcionamento de como deverão expor os produtos;
  • Desenvolver um calendário promocional com as datas festivas de cada mês e trabalhar com ações pontuais, como vitrines, degustações e demonstrações;
  • Ter representantes da empresa como promotores, repositores e coordenadores visitando as lojas e criando relacionamento com gerentes e líderes do setor.

  • Diante de tantas opções de marcas oferecidas ao consumidor dentro de uma loja, é fundamental que as empresas desenvolvam estratégias para a sua marca ter destaque e consequentemente vendas.

    *Ádila Ribeiro Berretella é diretora da TOP PEOPLE, empresa especializada em trade marketing e recrutamento e seleção.


    Fonte: Via Pública Comunicação



    Outros artigos:

    A importância do planejamento nas estratégias de Internet das Coisas

    Comportamento do consumidor: o segredo não é atender, é entender

    Os desafios de vender para o consumidor 2.0




    Compartilhe:




    Comente